quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Engenharia de Minas


Galera, começo este tópico falando diretamente sobre o que é engenharia de minas... Você gosta de explosões? Aquela fodásticas? Então você vai adorar ser engenheiro de minas. O mercao no brasil é dominado pela gigante Vale (Antiga estatal vale do rio doce). O mercado é muito promissor nos tempos de construção e industrialização interna a mil por hora.

Após ver o vídeo, fiquem com a descrição do guia do estudante sobre essa engenharia.



ENGENHARIA DE MINAS

É a engenharia que se ocupa da pesquisa, da prospecção, da extração e do aproveitamento de recursos minerais. O engenheiro de minas localiza jazidas e analisa o tamanho das reservas e a qualidade do minério no local. Estuda a viabilidade técnica e econômica da exploração do depósito mineral. Caso seja viável, elabora e executa o projeto de extração, escolhendo os equipamentos adequados e determinando os recursos humanos e materiais necessários ao trabalho. Cuida ainda do beneficiamento do minério bruto. Em geral, atua em companhias mineradoras, mas pode trabalhar também em pedreiras, construtoras de estradas e empresas de demolição. Lida com tecnologias de última geração e com reciclagem de produtos industriais ou com a prospecção de jazidas. A legislação ambiental exige que esse profissional tenha como objetivo minimizar o impacto da extração sobre o meio ambiente.

O mercado de trabalho

As exportações de minérios de ferro no Brasil registraram crescimento mensal em2009, especialmente graças às compras da China, o que contribuiu para manter o mercado aquecido durante o ano passado. Empresas de todos os portes contratam o profissional para atuação no Brasil e no exterior. Há empregos nas diversas regiões do país, mas os principais empregadores concentram-se nos estados de Minas Gerais, São Paulo, do Pará, de Goiás, do Tocantins e da Bahia. Companhias de extração de petróleo abrem vagas para especialistas em engenharia de petróleo, especialmente na Bacia de Santos. A área de minerais industriais, como calcário (matéria-prima do cimento), brita, areia e argila, costuma oferecer boas oportunidades em razão do bom momento vivido pela construção civil. A valorização do ouro aqueceu a exploração industrial do minério. Órgãos públicos, como o Ministério de Minas e Energia, o Departamento Nacional de Produção Mineral e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), também contratam esse engenheiro para os setores de consultoria e fiscalização. A área ambiental é um filão que promete crescer. Nele, o profissional atua como consultor, desenvolve métodos de reciclagem de minerais e cuida da recuperação de áreas degradadas.

O curso

Nos primeiros anos, o aluno cursa as disciplinas básicas de engenharia. Nos anos finais, aprofunda-se o estudo das rochas e seu beneficiamento, com disciplinas de física, química, mineralogia, topografia, geologia e reciclagem de rejeitos e resíduos. Também são realizadas visitas a empresas de mineração. Durante todo o curso, é intensa a atividade em laboratórios de ensaios e em projetos de engenharia. O estágio supervisionado é obrigatório, e algumas escolas pedem, ainda, um trabalho de conclusão.

O que você pode fazer

  • Beneficiamento e processamento Definir os processos físicoquímicos adequados à separação das substâncias que compõem o minério. Na indústria, acompanhar o processo de tratamento de minerais. Pesquisar e desenvolver métodos de reciclagem de minérios e técnicas que diminuam o impacto da atividade extrativa sobre o ambiente.  
  • Lavra Planejar e supervisionar a exploração de minas subterrâneas ou a céu aberto. Definir os métodos de remoção, transporte e estocagem do material extraído.  
  • Mecânica da rocha Estudar o comportamento mecânico das rochas e sua influência na definição da estrutura de obras como galerias e túneis.   
  • Prospecção Trabalhar em atividades de localização de depósitos minerais com o uso, inclusive, de imagens colhidas por satélites.


Bom, por hoje é só isso. Estou postando mais intermitentemente porque tou gripado, e tou passando o dia assistindo DVD. Quando melhorar volto com tudo!






4 comentários:

  1. Quando der um tempinho tenta postar algo sobre engenharia de produção... E se puder posta um comparativo das engenharias e qual a melhor na sua opinião.

    Grato.

    ResponderExcluir
  2. Olá Engenheiros de Minas:

    A Samarco, uma das maiores empresas do setor de mineração do país, firmou acordo com a empresa Battle of Concepts (BoC) para desenvolver a Batalha Samarco, com o título “Aproveitamento de subprodutos do processo de concentração do minério de ferro da Samarco Mineração S.A. em outros setores industriais”. A batalha é um programa de relacionamento e incentivo aos estudantes da graduação no desafio de buscar alternativas para o uso da lama residual do processo de extração e beneficiamento do minério de ferro. Com a ação, universitários de todo o País poderão propor conceitos que viabilizem a implantação de práticas de inovação e implantação de novos produtos, serviços e processos que colaborarão no incremento do perfil de sustentabilidade da empresa.
    A participação dos universitários é gratuita e os melhores “conceitos” serão premiados com dinheiro. São R$15 mil em prêmios distribuídos para os 10 primeiros colocados.
    Quer saber mais? Acesse: www.battleofconcepts.com.br

    ResponderExcluir