sexta-feira, 29 de julho de 2011

Acabou a palhaçada

 O ministério da Educação(MEC) bateu o martelo e decidiu colocar ordem no cabaret que é a criação de novos cursos de engenharia. Isso mesmo caro leitor. Se você é um dos alunos desses cursos mirabolantes e está contente com isso... tsc... pode começar a ficar triste. Todas as Engenharias do brasil serão simplificadas e virarão "apenas" 22. Segundo o MEC, o objetivo não é pôr camisas de força nas IES, como vinham propondo os estudiosos, e sim ORGANIZAÇÃO... coisa rara nesse país.

Pode parecer frescura do Ministério, mas o bagulho tava muito louco!! Existem hoje 258 nomeclaturas para cursos de graduação. E cá pra nós... 258 cursos de engenharia caramba!

Pra se ter uma idéia, existem, por exemplo, os cursos de Engenharia Elétrica, Eletrotécnica, e de Energia Elétrica. Eles passarão a ser denominadas apenas por Engenharia Elétrica... pra que mais do que isso para cursos com praticamente as mesmas matrizes curriculares??

Acho que é a primeira vez que falo isso mas... Palmas para o MEC





Troca de Links

4 comentários:

  1. Meu amigo, o que você acha dos novos cursos da Faculdade Maurício de Nassau, que abriu Civil, mecânica, elétrica e química?
    Que desgraça!

    ResponderExcluir
  2. As atrocidades no ensino, cometidas pela Maurício de Nassau são inomináveis. A canalhada é atraída ou mesmo ludibriada por essas instituições que imerecidamente recebem o pomposo título de Faculdade ou em alguns casos de Universidade. É uma verdadeira venda de diplomas e também de frustrações para os que investem dinheiro nessas grupos de ensino - quadrilhas - lamento e muito ver a quantidade de pessoas que vão receber N credencias, sem o mínimo de preparo. O MEC só está preocupado em dar números a comunidade internacional, qualidade ficará em último plano, pelo visto. Por essas e por outras, o Brasil possui mais faculdades de direito que o mundo inteiro. Absurdo!

    O blog está de parabéns, já li todos os posts e agora resolvi comentar. xD

    ResponderExcluir